terça-feira, 29 de setembro de 2015

Delirio em masturbação e delícia Oral

sense pausa per dalt i per baix
Masturbavas-te
num delírio de tesão incontrolável
Chupavas o meu sexo
Avida e docemente
Deixando-me  enlouquecer
De uma tesão sem limites
Desejo e prazer
Espaço ou tempo
Sem antes nem depois
No silêncio dos nossos gemidos
Deixámos acontecer
A vontade do pensamento
A luxuria em nossos sentidos
Onde só existíamos nós dois
Desfrutando o momento.
........

19 comentários:

  1. Hummm que delicia de poema..Quem não gostaria de estar envolvida numa cena destas? Bom de mais.
    Parabéns, Nuno Filipe. pela inspiração.

    Beijoos

    ResponderEliminar
  2. Delícia mesmo... de fato!!!
    O poema coloca, claramente, a atmosfera íntima de dois amantes que se chupam, que se lambem.... que se amam.
    O poema tem um ar de intimidade impressionante!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva amigo PEQUENOS DELITOS RENOVADOS

      Fala quem sabe e eu respeite a opinião dos entendidos.
      Grande abraço

      Eliminar
  3. Imaginei-me...imaginei-me...e....imaginei-me...Tão bom!!
    Bjuss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Filipa Silva

      E que se imagina...deixando "voar" a imaginação...chega ao céu dos sentidos.
      Por isso... imagina-te
      Bjuuuuuu

      Eliminar
  4. Que maravilha de imagem e poema. Deixou-me excitado
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva caro amigo Max Men

      Se assim falas... está falado
      Abraçop

      Eliminar
  5. Delicio-me com o meu namorado quando fazemos coisinhas assim tão belas e que nos enchem o ego de prazer.
    Poema muito bonito , Nuno Filipe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Querida amiga Vanessa Flor

      Que sorte tem o teu namorado em ter uma namorada tão bela, liberal, solta de ideias, cheia de capacidade de inovação.
      Agradecido pelos elogios ao poema
      Fica feliz

      Eliminar
  6. Nuno Filipe no seu melhor. Entrelaçar de palavras a condizer com a imagem a formar o conjunto perfeito, cheio de carinho, sedução e sensualidade.
    Bjo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lenita

      Fiquei babado com tão belas palavras que deixaste.
      Bjuuuu

      Eliminar
  7. Uma imagem muito bem escolhida.Adoro ver uma mulher a masturbar-se. Pura tesão
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Fábio Luz

      Gostamos queres tu dizer. Confesso que também é um dos meus fetiches
      Abraço

      Eliminar
  8. Delicia de versos e imagem nem se fala.... loucura!

    ResponderEliminar
  9. Belo poema e louco de tesão assim como a imagem...adorei...fico em brasa!!!!!!!

    ResponderEliminar
  10. Gostei não! A mulher além de chupar, ainda tem que se masturbar; não é à toa que a boceta está seca!!!

    ResponderEliminar