segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Até onde chega a imaginação de um homem quando quer satisfazer uma mulher ( ou duas...) e o seu "parceiro" está cansado de tanto "trabalho"?

Diz-se em Portugal, numa gíria popular que, enquanto um homem tiver língua e dedo não existe mulher que meta medo. Como homem confesso concordar. Agora sabemos como o homem é um ser inteligente e... inovador. Assim quando a língua está cansada e os dedos, quiçá também, para além de um pénis derrotado e cabisbaixo pela avalanche de "trabalho", o que fazer a fim de satisfazer uma mulher?
A imagem é bem representativa do grau inovador e imaginário que o homem possui. Estar com duas amigas sedentas, voluptuosas, cheias de exaltação sexual,  não será certamente tarefa fácil e daí...

Já cansado, e incapaz de dar à Lurditas e à sua amiga Fenícia, o que elas de si reclamavam, decide o Estebes, satisfazer a Lurditas de uma forma original e super criativa. Fiquei fâ, reconheço.
.

4 comentários:

  1. Uauuuuuu kkkkkkkkkkkkkkk mas que original!!! Olha se a moda pega?
    Uma boa técnica para atenuar o cansaço e a impotência. kkkkkk.. Espetas a Lurditas e a Fenícia... coitado do Estebes"
    Muito boa ideia

    Bjusssssssss ;-)

    ResponderEliminar
  2. Ena meu amigo, esse ditado é muito antigo e é bem verdade! Mas os Estebes parece que está a ser torturado, ou seja, não deu de uma maneira, há que arranjar outra maneira. lool Muito bom, meu amigo...
    Tenho a certeza que vai ficar atordoado, mas as amigas divertem-se bastante!

    Aquele abraço, meu amigo.

    ResponderEliminar
  3. Ui....Que show!!!!
    Fantásticos momentos de doidice, ehehe

    ResponderEliminar
  4. KKKK, essa nunca tinha visto e olhem que é boa ideia e mantem a mulher sempre satisfeita e nalguns casos o homem. Realmente o que se aprende aqui neste blog.

    ResponderEliminar