domingo, 14 de fevereiro de 2016

Na tua gruta humedecida . .. deixo meus desejos incontrolados ( Imagem e Poema)

Noto a tua gruta molhada
Nessa calcinha rendada
Quero estar contigo
Sentir-te arrepiada
Desejosa, esfomeada
Querendo estar comigo
Desinibida
Entregue numa delicia conseguida
Provocando o meu desejo
Recebendo o teu beijo
Lábios entrelaçados
Sinto o teu cheiro
Por desejo, derretida
Ambos consolados
És meu querer primeiro
Sinto meus olhos fixados
Na tua gruta humedecida
Deixo meus desejos
Incontrolados
Nessa doçura oferecida.

4 comentários:

  1. Um poema para enternecer o domingo, encher o dia de desejo e paixão.
    Muito bom, Nuno!
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida

      Feliz Domingo e um luxuriante dia dos namorados, .. em Portugal...

      Penso que no Brasil é só em Junho...

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Parabéns ao Nuno Filipe! Tem uma veia poética bem delirante! Gostei muito do poema e a calcinha transparente deixa qualquer um bem....babado!

    ResponderEliminar
  3. Sientes que se derrite tras su sexo que envuelve tu mirada.

    Un beso.

    ResponderEliminar