domingo, 24 de abril de 2016

Gestos e Doçuras Sexuais em Carinho e Luxuria ( poema Erótico)

Tu és a intensidade
O gesto, mélica ternura
Tu és a minha vontade
Meu desejo, doce ansiedade
Meu sonho, onde vejo
Sinto, vivo a liberdade
Dos teus lábios num beijo
Em carinho e doçura
Num olhar de felicidade


Tua mão guia a força do arrebatamento
Dedos ágeis em mão segura e delicada
Tua gruta recebe o carinho, o momento
Luxuria, qual malícia por nós desejada



Dou-me por inteiro, tão intenso
No teu corpo deixo meu arrepio
Perco os sentidos, quando penso
Que és meu êxtase, meu desvario
------------

17 comentários:

  1. A primeira imagem podia ser eu mas a piscar o olho... Lindo poema.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fiquei com ciúmes de você chamar o Nuno de docinho....
      Buuuuuhhhhhhhhhhhh...

      Eliminar
    2. Oh meu caramelozinho não fica não...

      Eliminar
    3. Pink Poison é sempre um enorme gosto ler os teus sábios e assertivos comentários... e sem ciúme, lool

      Feliz domingo

      Eliminar
  2. O poema e as imagens são lindas demais. Amei

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Brenda Naiara

      Gostaste? Se gostaste deixas-me feliz. O vosso gosto é a minha felicidade
      .
      Feliz Domingo

      Eliminar
  3. De fazer suar uma mulher. Arrebatador

    Domingo de amor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Flor de Amor

      Sempre uma simpatia de amiga.
      .
      Feliz Domingo

      Eliminar
  4. Belo poema (como sempre) com belas imagens (como de praxe!).
    Um belo post (como de hábito!!)
    Um abraço ao amigo....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PEQUENOS DELITOS RENOVADOS

      Obrigado pela amizade que muito me agrada e prezo

      Aquele abraço desde Portugal

      Eliminar
  5. Ai ai ai ai ai ai ai...
    Não faça assim que eu estou "na seca", como se diz por aqui, esperando o Dono e vc aí com esses versos e imagens provocantes. Sr. Nuno, tenha piedade por esta pobre escrava ;)
    Tenha um lindo domingo e uma semana repleta de boas surpresas.

    Beijos

    http://odiariodaescrava.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga {Λїtą}_ŞT

      Estou aborrecido com seu dono. Como é possível um "Rei" deixar sozinha a sua Rainha? Deixá-la assim carente e desprotegida?

      Mas pode? Imperdoável para um dono dedicado
      .
      Domingo feliz

      Eliminar
  6. Uhhh... que poema maravilhoso!!! As imagens o completam.
    senti aqui a intensidade.
    bjs e ótimo domingo.

    http://sublimefemalededomfa.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá

      Grato pela visita e comentário que gostei de ler e muito me agradou

      Já visitei seu blogue.

      Felicidades

      Eliminar
  7. Arrepiante: Poema e imagens, de ficar a babar!

    Bjos, Nuno

    ResponderEliminar