terça-feira, 29 de novembro de 2016

Saborear a "fruta" que nossos corpos oferecem em estímulo sensual


Deste-me uma peça de fruta, doce, maravilhosa,  para saborear


Retribui com muita doçura dando-te a "fruta" que gostas


Quiseste que eu saboreasse um fruto da tua "horta", um "pepino" lindo


Retribui oferecendo-te outra fruta, a minha linda "romã" que te deliciou e me fascinou pelo simples motivo que sei que ambos adoramos esta "fruta"
--

12 comentários:

  1. Mmmmmmm gulosa Silvia. Eu adoro fruta dita boceta. Sou gulosa. :)))

    Beijo melado

    ResponderEliminar
  2. Adoro fruta. Adoro o fruto proibido. Está brutal. Obrigado

    ResponderEliminar
  3. A fruta faz bem e aconselha-se de qualquer jeito descascada e por descascar, kkkkkkkkkkk com ou sem pêlo. :-)

    Bjos

    ResponderEliminar
  4. HUMMMMM...Silvia..fruta...com gomos carnudos...e sumarentos...ADORO... :))))
    Beijos-te...

    ResponderEliminar
  5. viva a fruta...que disfrutemos um boa fruta :)

    Beijo Silvia

    ResponderEliminar
  6. Frutinha a toda a hora. Momentos deliciosos e carinhoso, amiga Silvia.

    Beijo doce miúda

    ResponderEliminar
  7. Uiiiii que rica colheita e prova de fruta. Aquele pepino me deixou completamente....extasiada!
    Muito bom Sílvia e esta"publicidade" é imprescindível para maior sensibilizaçao dos benefícios da fruta diária.

    ResponderEliminar
  8. As frutas e seus sabores exuberantes.
    Abraços^.~

    ResponderEliminar
  9. Por que será que o sexo e a fruta têm alguma relação?

    Se for por causa da literatura religiosa, a fruta que Eva deu pra Adao comer não tinha a ver com o sexo e tão pouco seria a maçã.

    Entretanto, se bem pensarmos, com os olhos e outros sentidos também se come. Logo, o fato da mulher oferecer uma fruta ao homem pode significar algo além.

    Se houve má interpretação do mito bíblico, foi esta a que se apoderou do nosso inconsciente. Kkkkkk

    ResponderEliminar