sábado, 15 de abril de 2017

"Cavalgada" pelos artifícios da sensualidade erótica


Vou cavalgar por toda a noite
Por uma estrada colorida
Usar meus beijos como açoite
E a minha mão mais atrevida
Vou me agarrar aos seus cabelos
Pra não cair do seu galope
Vou atender aos meus apelos
Antes que o dia nos sufoque


Vou me perder de madrugada
Pra te encontrar no meu abraço
Depois de toda cavalgada
Vou me deitar no seu cansaço

Sem me importar se nesse instante
Sou dominado ou se domino
Vou me sentir como um gigante
Ou nada mais do que um menino


Estrelas mudam de lugar
Chegam mais perto só pra ver
E ainda brilham de manhã
Depois do nosso adormecer



E na grandeza desse instante
O amor cavalga sem saber
Que na beleza dessa hora
O sol espera para nascer


.......................................
Nota: Letra tirada da net a fim de ilustrar esta brincadeira sensual.
...................................................................................................................

10 comentários:

  1. Excelente poema acompanhado de imagens de nos fazer suar, só de imaginar.

    Boa Páscoa, Raquel
    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia!
      Fazer suar e não só. Muito bom mesmo ?😃

      Eliminar
  2. Fantástico poema deliciosamente erótico. Adorei

    (que é feito do Nuno Filipe? :/ )

    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Belo poema adorei, e as imagens hummmm uma delícia...

    ResponderEliminar
  4. Isso sim é cavalgada, ultima imagens arremata com uma praga de saudade.
    Bjin^.~

    ResponderEliminar
  5. O poema e a letra de uma musica do cantor fernando santana...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está enganado. Compositor:Roberto Carlos/Erasmo Carlos, cantores brasileiros.
      https://youtu.be/VQimEYIwXDo

      Eliminar
    2. Está enganado. Compositor:Roberto Carlos/Erasmo Carlos, cantores brasileiros.
      https://youtu.be/VQimEYIwXDo

      Eliminar