quarta-feira, 13 de maio de 2015

Lingua ávida de desejo

......................
Minha língua, ávida de desejo
invade o teu sexo
Suga teus lábios molhados
quentes, inchados
Deliciados de prazer
Sinto como escorres
Caem gotas sobre meu rosto
E nesta língua que a gosto
Te acaricia e devora
Deleitando-se com  o teu mel
Salgado de doce.
................

9 comentários:

  1. Chupada deliciosa, coberta por versos muito bons!!!
    Nuno, você poderia explorar mais teu lado poético e lançar aqui tuas poesias... sucesso garantido!!!
    Outra coisa... o cuzinho dela é esplendoroso!!!

    ResponderEliminar
  2. Continuo a dizer.....hummmmmmmmmm não digo nada.. mas gostava de sentir a tua língua quentinha e meiga :)))

    Beijoos

    ResponderEliminar
  3. Jesus quem me apaga este fogo!! Sinto-me húmida, imaginando uma língua atrevida nas minhas partes. :) fabuloso!

    ResponderEliminar
  4. Hummm que delicia de "Doce salgado" uma autentica tesão!

    ResponderEliminar
  5. Este calor anda a dar-te....sede amigo hehehehe

    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Lengua que devora la carne, que grita al deseo, que late profundo.

    Un beso.

    ResponderEliminar
  7. Fico louca quando vejo essa língua...hummmm dá-me uma vontade....!!!!!!!

    ResponderEliminar