quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Quero-te em mim meu amor ( Poema erótico )

Teu corpo quente
saboreia a minha pele que te deseja
Teu sexo desnudo, carente
De tesão fremente
Meu sexo vibrante
Sente o teu, escaldante
Teus beijos seguros
Amantes, puros
Teu afago, meu prazer
Gozas com o meu sabor
Sinto-me submissa à tua língua
No equilíbrio do nosso existir
Nos nossos impulsos
Doçuras no exprimir
Nessa frase exígua
Quero-te em mim, meu amor






6 comentários:

  1. Raquel Pinto....
    Teus poemas trazem uma carga de romantismo muito grande...tuas rimas estão muito ricas.... (exígua-língua).... e o ritmo de teus poemas também é muito doce.
    Parabéns.... continue a ler os poetas de tua terra e a praticar. Tua inspiração é maior a cada dia....

    ResponderEliminar
  2. Poesias eróticas são muito gostosas de se ler e quando acompanhadas de uma imagem instigante, melhor ainda.
    Acertou em cheio, Raquel!
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Bela Poesia! Inspiradora...

    http://contoseroticosesafados.blogspot.com.br/


    B

    ResponderEliminar
  4. Gostei muito do poema. Cheio de desejo e sedução. Gostei

    Beijo doce com carinho

    http://anseiosedevaneiossexuais.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Uiii até fiquei inspirada e a querer o meu amor em mim. Que rico poema, faz vibrar todos os sentidos e provoca a líbido. Parabens à sua autora

    ResponderEliminar