segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Uso de uma Pedra de Gelo no Acto Sexual.


A perfeição deve estar ao serviço de todo e qualquer acto humano. Tudo o que é feito exige inteligência, a qual, coadjuvada pela imaginação, torna-se muito mais sábia e competente. 

O sexo não foge à regra e por isso vou falar-vos um pouco sobre uma técnica que muitos não usam. Talvez por não se lembrarem, mas acreditem, é de uma sensualidade sem limites. Refiro-me ao uso de UMA PEDRA DE GELO.

Como começar a usar uma pedra de gelo, estando a mulher de barriga para cima.

A técnica do uso da pedra de gelo pode ser usada tanto de verão como de inverno. Depende do local, do momento, da pré-disposição de cada um.
Particularmente, gosto mais de usar essa técnica no verão. Falando na qualidade de homem, começo por vos dizer o seguinte: Imaginem-se de corpo nu deitados numa superfície qualquer, fazendo da troca de carícias e beijinhos, a espera para o momento crucial que é a introdução propriamente dita. Corpos quentes, fervendo de luxuria. É aí que entra  a pedra de  gelo. 

O homem pega numa pedra de gelo e, fixando a parceira com um lânguido olhar,  começa por tocar no seu mamilo, ora num, ora noutro, deixando que o gelo vá derretendo e escorrendo pelo corpo da mulher. Lentamente toca com a pedra de gelo nos seus lábios, os quais molha carinhosamente.

Seguidamente passa a pedra de gelo (essa ou outra) pela barriga da mulher em direcção ao sexo. Sabemos que muitas partes do corpo são formadas por pontos super sensíveis, que se deixam arrepiar, se foram colocadas perante algo de novo que os estimule. O gelo é um enorme e eficaz estimulante dessas zonas.

Perante o toque do gelo, a musculatura retrai-se, puxa pelo prazer, fazendo com que o relax surja de imediato em substituição do arrepio anterior. Esse arrepio, tem como causa imediata que a mulher se mexa, contorcendo o corpo, o que causa no homem ( ou mulher) uma luxuria e uma vontade ao nível erótico muito difícil de controlar

No caso específico, o gelo provoca na mulher sensações únicas de prazer e gozo sexual. À medida que o gelo vai derretendo, formam-se gotas, que o homem deve ir sorvendo através da ponta da língua, a qual, dever percorrer o corpo da mulher no percurso inverso que as gotas de gelo escorrem. 

Ou seja: Se as gotas escorrerem dos mamilos para a barriga, deve o homem sorver essas gotas, da barriga até aos mamilos, onde pára, olha a parceira de forma intensa e, lentamente, toca com a ponta da língua apenas na ponta do mamilo, obrigando a mulher a elevar o corpo, arqueando as costas, de forma a que esse toque seja mais intenso. Nesse caso tem o homem que usar toda a sua imaginação a fim de que faça os toques nos momentos, e tempos, com menor ou maior pressão labial, sobre o local que está "beijando".

Como usar uma pedra de gelo estando a mulher de barriga para baixo.

O homem deve começar por com a ponta da língua começar por tocar na orelha da mulher de forma a que a mulher se comece a contorcer de prazer. A seguir sussurra-lhe palavras de carinho ao ouvido dizendo-lhe que vai passar uma pedrinha de gelo pelo seu pescoço. Dessa forma a mulher não se assusta e prepara a mente para receber os carinhos frios da massagem feita pelo referido gelo.

Seguidamente vá descendo muito lentamente com a pedra de gelo pelas costas da parceira até chegar às nádegas. Pode indiciar que vai passar a pedrinha por entre essas, o que fará a mulher fechá-las, para logo depois as abrir de forma prazerosa e muito caliente.
Todas essas acções serão acompanhadas pela língua do homem que acompanha os arrepios de prazer da mulher, fazendo com que, o gozo não tenha limites.

A pedra de gelo deve tocar as nádegas e de imediato sair desse lugar visto que o que se pretende é que a mulher se arrepie de prazer e as nádegas não são muito próprias para o efeito. Os seus músculos são mais fortes que os músculos das costas e do pescoço, sendo que, a pedra deve girar mais por essas partes mais sensíveis da mulher.

Passar a pedra de gelo pelo sexo

Sei que está a imaginar isso mesmo. Estando a mulher de costas, vire-a carinhosamente e passe o gelo por dentro das pernas dela o que fará com que ela as feche mas de imediato as abra, esperando algo mais. Com os dedos da mão brinque com o seu sexo, abrindo os lábios vaginais. 

Com doçura passe a pedrinha de gelo pelo clitóris e pelo ditos lábios, fazendo acompanhar esses toques com a ponta da sua língua. O clitóris retraiu-se com a pedra de gelo, para logo de seguida ao sentir os toques da sua língua entrar em louca erupção onde a tesão será para ambos incontrolável.

Nos toques com a língua. pode levar entre os lábios. outra pedrinha de gelo o que fará um contraste muito sedutor e sensual, entre os nervos da vagina e a sensibilidade dos seus lábios. O sexo oral feito nela na forma descrita, levá-la-á ao sétimo céu.

Quando a excitação estiver ao rubro dê uma abraço à sua parceira, virando-se e ficando de costas.

Coloque a parceira por cima, tocando com a pedra de gelo no sexo dela e ao mete tempo com a ponta do seu pénis, tipo mete e tira, toca e mete, tira e toca.

Ela entrará em “loucura” sensual, procurará avidamente o seu pénis, muitas vezes já em erupção orgásmica que não ter conseguido controlar os seus impulsos de desejo e tesão, apenas por sentir os toques que já foram mencionados.

Espero ter contribuído para um sexo mais imaginativo, sensual, erótico, onde a luxuria esteja presente

Embora esta técnica possa ser usada tanto de verão como de inverno, sou de opinião que, de inverno se troque o gelo por ... chantily. Escreverei sobre essa questão num próximo texto.
.  

9 comentários:

  1. Experimentar sensações é sempre muito bom, feito só por pessoas que gostam realmente de sexo, de explorar o prazer ao máximo.
    Muito boa a sugestão para quem não experimentou, as pessoas vão gostar.
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Gelei só em pensar... As sensações são alucinantes... arrepiantes... Experimente.

    ResponderEliminar
  3. O uso do gelo é mesmo espetacular.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  4. Muito bom este texto! Mas no calor tórrido da paixão, sentir o gelo, deve ser alguma coisa de extraordinário.

    Adorei- Bjos

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde, Julgo ser melhoro uso do gelo depois da penetração. o prazer é maior.
    AG

    ResponderEliminar
  6. Não sei se gostava de usar o gelo. Sou muito friorenta, adoro tudo o que for quentinho, kkk
    Mas achei este texto muito informador e importante para quem gosta de fazer sexo com amor... :-))

    Beijinhos e parabéns Nuno Filipe.

    ResponderEliminar
  7. Pois bem, depois de ler este tipo de" folhetim informativo" Saio daqui mais rico. Confesso que tenho muito que aprender... Por isso adoro este blogue.
    Abraço

    ResponderEliminar
  8. O gelo pode ser arrepiante, e provocar sensações até então desconhecidas.

    ResponderEliminar