quarta-feira, 20 de setembro de 2017

A travesti é só sexo Oral/anal? Ou no seu ego existe outra essência na questão e génese sexual e sensual?


Resultado de imagem para carinhos sensuais de Smale, gif
Quando alguém fala em travesti/ Shemale, logo a mente masculina “foge” a grande velocidade para o sexo anal. Não tanto o sexo oral, ainda que também, mas essa é uma vertente menos discutível nas fantasias dos homens. Não existe cura para esse pensamento. É afecto à génese masculina e, dificilmente, algum dia mudará.

A mente masculina (e feminina) alimenta-se de ilusões, fantasias, esperanças, receios, sonhos e dilemas imaginários, amores e desamores. Raramente chegamos a alguma conclusão, caso seja essa a meta que se pretende alcançar.

Muitas vezes criamos na nossa mente, fantasias e ilusões que, nos fazem fugir aos problemas do dia a dia, e o sexo é um bom tónico, qual melhor e eficaz elixir, para regras que nos quebram – ou viciam – no nosso dia a dia.

É amor e nunca deixou de ser paixão!Vem isto a propósito da questão gostar ou não gostar de estar, inclusive viver o dia a dia, com uma travesti, considerando essa como esposa, companheira, não olhando à sua génese sexual, derivada do masculino, mas sim, inspiramos no conhecimento global dessa pessoa como ser humano. 

O homem (ou mulher) deve apaixonar-se pelo conjunto e não pela aparência física e aos olhos visível. 

Conversando, conhecendo defeitos e virtudes, afeições, gostos e contra-gostos, atitudes, qualidades. Muitas travestis são na sua essência mulheres que se realizam como tal. São homens que nasceram no corpo errado.

Infelizmente, a sociedade é má, dura e cruel, para com as pessoas que se assumem diferentes, onde a sexualidade não é excepção. Em todo e qualquer lugar, se se apercebem que um homem está acompanhado por uma travesti, mesmo que essa seja globalmente feminina, os sorrisos, olhares de desdém, vão sempre aqui e ali surgindo. Dir-me-ão que um homem não deve ligar a esse pormenor. 

É um facto com o qual concordo na íntegra. O difícil é assumir esse – não ligar – pois quer queiramos quer não, o nosso próprio ego, é muitas e muitas vezes o nosso maior traidor na questão das emoções, por nós sentidas. Tudo isto para nos dizer que o Travesti não é, na sua conjuntura global, simplesmente sexo. É muito mais que isso.

Quem conhece e convive com, sabe muito bem que a travesti é, regra geral, muito mais meiga que a maioria das mulheres – também mais ciumenta -. A travesti que enverede por um relacionamento sério, é respeitadora do seu amor, luta por ele, não trai a confiança que o seu mais que tudo deposita nela.

Eu vou te pegar de jeito...Quem diz que a travesti é uma aberração da natureza, não conhece a natureza humana. A travesti ama com o coração, entrega-se ao seu amor, de forma meiga, carinhosa, não fazendo do sexo oral/anal, uma obrigação, mas sim, uma consequência natural de sexo, como qualquer mulher, faz do sexo oral/vaginal.

Na questão mulher na acepção que a palavra encerra, e a travesti, existe um dado que me parece ser de realce. A mulher perdoa a traição do seu amor, muito mais facilmente que a travesti. Não é taxativo mas, a verdade, é que me parece ser um facto indesmentível.

Que todos, sejam travesti ou não, sintam na alma e no coração, o amor que todos merecem ter e usufruir pois a vida não é dos ressabiados, mas sim, de quem merece ser feliz.
 .

10 comentários:

  1. BRAVO! O meu aplauso para tão elucidativo texto!Todo, todos têm o direito de ser feliz, independentemente da sua génese, ou orientação sexual. MUITO BOM, GIL

    Bjos

    ResponderEliminar
  2. Como diz a Larissa e bem, aplausos para o teu artigo. Merece ser lido e comentado por todos. Nunca sabemos tudo.Gostei de ler.

    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande abraço João Pedro
      felicidades para o teu blogue

      Eliminar
  3. Gil Antonio que belo texto o teu e o final simplesmente sinto o mesmo eramos bem mais felizes se nao fossemos ressabiados. Bjokas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se o pensamento falasse
      Dir-te-ia hora a hora
      Se porventura te apanhasse
      Dava-te um beijo agora
      ..
      Beijokas Paula Silva

      Eliminar
  4. Existem Travestis que são umas verdadeiras tentações. Excelente artigo. Adoreei :)

    Um beijinho "menino" Gil António.

    ResponderEliminar
  5. Mmmmmmm confesso que me fascinam tal como me fascinou o seu texto.

    Beijo melado :)))

    ResponderEliminar
  6. Existem travestis que são autênticos modelos, lindas de morrer. Sabendo, provavelmente não ia para a cama com uma travesti. Provavelmente ...

    Abraço Gil

    ResponderEliminar
  7. "..é mais meiga do que a maioria das mulheres"...então melhores que nós mulheres!
    "é respeitadora do seu amor, não trai a confiança"...não sei como é aí em Lisboa, mas no Brasil a maioria são prostitutas!
    Não troco meu útero, trompas, ovário, TPM, menstruação, poder de parir nem pela mais bela travesti do planeta!!!

    ResponderEliminar