sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Testemunha a lua, tua entrega, sem pudor ( Poema lascivo)

..............................................
É o luar a sombra de um carinho sedutor
De uma paixão que surge sem nos avisar
Feitiço reflectido numa só palavra: Amor
Que pela tua beleza me deixou enfeitiçar

Quero te amar sob  a lua..

Testemunha a lua, tua entrega, sem pudor
Beijo teus sonhos, afago teus embaraços
Com ternura, o luar revela-me o teu amor
Pelo teu arrepiado corpo em meus braços
,

8 comentários:

  1. É o amor na sua plenitude. So um apaixonado como tu escreve assim. Bjokas Nuno Filipe

    ResponderEliminar
  2. Isso mesmo.. amor na total plenitude de sua essência.
    Parabéns amigo, por mais esse poema...

    ResponderEliminar
  3. Lindo, lindo!!! MUITO BOM Esta é a tua marca... :)

    Bjos meu lindo

    ResponderEliminar
  4. Minha nossaa que poema!! Poderoso...Lindo de morrer. Ai o amor...Hummmm

    Bjus querido

    ResponderEliminar
  5. Bom dia Nuno Filipe
    Sem palavras para este brilhante poema. Parabéns :)))

    Beijinhos melados

    ResponderEliminar
  6. Enorme Poeta, este meu amigo!
    Adorei

    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Amei a imagem e deliciei-me com o poema
    Lindos de mais.
    Bjo

    ResponderEliminar
  8. Maravilhoso poema. Deliciosamente belo e sedutor
    Bjo Nuno

    ResponderEliminar